Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arvore De Letras

Coisas lidas,ouvidas,cantadas, declamadas,faladas,escritas

Arvore De Letras

Coisas lidas,ouvidas,cantadas, declamadas,faladas,escritas

29
Jun07

Parte IV Conta corrente de Virgílio Ferreira lido em 1995/96

AnnaTree

Coisas lidas

(...)
E de repente reparo que mal tenho falado de mim. Ora. Dizer o quê? Como quem subiu uma montanha e foi parando para desfrutar a paisagem, e chegado ao alto admira largamente, e á tarde desce cansado sem já reparar em nada e deseja chegar mais depressa a casa.
(...)
Demora-te ainda um pouco, demora-te ainda um pouco. Há tanto ainda que ver que pensar, que admirar... Mesmo no último instante, abre ainda os olhos – e vê. A vida é tão espantosa. Não terás tempo de a saber. Demora-te ainda um pouco. Há muito ainda que amar.
(...)
Morrer por inteiro – quem o merece?
Morre-se sempre todo -excepto o que fica nos filhos, na gloria que se espera, na reputação que nos fica num vizinho, num conhecido da esquina que nos dava os bons dias, numa porcaria qualquer que nos iluda da eternidade!
(...)
Da cinta para baixo nenhuma mulher envelhece. É justamente da cinta para baixo que mais envelhece o homem.

1 comentário

Comentar post