Segunda-feira, 14 de Janeiro de 2008

A VIDA NUM ESPANTALHO

Coisas lidas


A VIDA NUM ESPANTALHO POR EDUARDO SÁ 18/072004 NOTICIAS MAGAZINE

1. As pessoas só se «armam» em crescidas porque lhes falta alguém junto de quem possam, sem vergonha, continuar pequeninas á vontade. É por isso que, por fora continuam a crescer enquanto, por dentro, se portam mal (como não o faziam quando eram crianças).
(...)
Se a infância delas tivesse sido de algodão doce não precisavam – acreditem – de crescer em bicos de pés para espantar as suas dores infantis.


2. É por se sentirem desamparadas diante da vida, que as toma de surpresa, que as pessoas se tornam assustadiças quando a vivem. Sentem que o coração arranha, sempre que palpita mais depressa, como se tudo o que comove as desmanche e desarrume. O sentimento de pequenez ora as enternece, quando percebem que o perderam, ora as assusta, quando o sentem a prende-las aos seus medos, de pequeninas, que queriam espantar. Será por isso que não se movem para os outros. Como se só conseguissem imaginá-los como personagens que renovam, unicamente todos os seus medos infantis (e, quase nunca, pudessem arejar as suas dores para que, a partir delas se desse um novo começar.

3. Muitas pessoas transformam a vida num espantalho. De cada vez que espantam os medos ficam mais presas a eles. É por isso que, sendo grandes, se sentem (por dentro) desamparadas. Mais, ainda, porque já perceberam que amar é sermos pequeninos....e o melhor do mundo, ao mesmo tempo.
(aliás, amar é podermos ser mais do que pequeninos. É sermos de colo, outra vez). E, em vez de espantarmos as dores, encontrarmos quem espante em nós essa ambição tola de crescer por fora, sempre que o coração arranha (logo que palpita mais depressa como se tudo o que comove desmanche e desarrume

sinto-me: rejuvenescida

publicado por AnnaTree às 11:16
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 40 seguidores

.pesquisar

 

.Abril 2019

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

14
15
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Nem as mulheres são tão c...

. Nem-as-mulheres-sao-tao-c...

. Nem as mulheres são tão c...

. Nem as mulheres são tão c...

. nem-as-mulheres-sao-tao-c...

. nem-as-mulheres-sao-tao-c...

. Nem as mulheres são tão c...

. Maria Jesus Alava Reis “n...

. No princípio estava o mar...

. Óscar Wild Fidelidade

.arquivos

. Abril 2019

. Março 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Janeiro 2018

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Agosto 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

SAPO Blogs

.subscrever feeds