Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arvore De Letras

Coisas lidas,ouvidas,cantadas, declamadas,faladas,escritas

Arvore De Letras

Coisas lidas,ouvidas,cantadas, declamadas,faladas,escritas

23
Abr08

HISTORIA DE UMA OBSESSÃO DE ERICA JONG 3

AnnaTree
Coisas lidas
(...)
Os homens reagem a estímulos visuais. Simplesmente, não são tão evoluídos como as mulheres.
(...)
Todos os casais têm um assunto de discussão em que pegam de vez em quando. Este era o nosso. Descobrimo-lo cedo e nunca desistimos.
(...)
Os medos deles (homens) põem-me tão triste. Toda a nossa vida nos ensinam a procurar neles orientação e apoio. E quando chegamos a esta idade apercebemo-nos de como eles são frágeis.
(...)
Estamos sempre sozinhas. E eles passam sempre para a próxima ninfazinha. Muito simplesmente, há mulheres a mais e homens a menos. Não podemos fazer exigências, senão eles põem-se andar. Espera-se que sejamos nós a fazer todas as cedências uma merda de uma injustiça.
-uma oportunidade
-mas que bela oportunidade!
-é a oportunidade de encontrarmos a nossa sanidade mental – diz Sybille – e de estabelecermos as nossas posições interiores, para que, mesmo que estejamos sozinhas, não nos sentirmos como tal. Podemos aprender a falar connosco próprios, de um modo amável e suave, aprender a nos acarinharmos. Por muito sozinha que eu esteja, tenho sempre a companhia da minha sanidade.
(...)
Á beira do meu lago, na orla do universo, vim a descobrir que certos portões só abrem para a solidão e que só se consegue entrar em certos palácios através das lágrimas.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.